Escandiuzzi

Procuram-se boas notícias. Mas enquanto elas não surgem….

Vida de nanico

leave a comment »

 

Vida de nanico não é fácil não…

O candidato do PSTU à prefeitura de Florianópolis,  Gilmar Salgado, fez um discurso sozinho em pleno centro da cidade neste sábado (25). O ato, que não era acompanhado por absolutamente ninguém, ainda chegou a ser interrompido para a passagem de uma passeata do rival César Souza Júnior, do PSD.

De um lado, Júnior fazia uma caminhada acompanhado por cerca de 500 militantes munidos de bandeiras, bateria de escola de samba e apitaço. Do outro, Gilmar fazia seu discurso sozinho em uma esquina ao lado do Mercado Público.

O candidato do PSTU montou uma caixa de som na manhã deste sábado para discursar enquanto as pessoas passavam pela rua Conselheiro Mafra, uma das mais movimentadas do comércio local. Enquanto Salgado falava das propostas de seu partido, quatro militantes tentavam entregar panfletos para quem passava pelo local.

O discurso de Salgado ainda foi interrompido por uma caminhada de César Souza Júnior (PSD). Sozinho, ao candidato do PSTU restou desligar o microfone e esperar para depois retomar o seu pronunciamento.  Na maior parte do tempo, o candidato chegou a falar sem nenhuma platéia.

Gilmar Salgado é um cara de coragem. Não deve ser fácil encarar uma situação dessa. Falar aos ventos, ver as pessoas passado e um ou dos parando. Por outro lado, o Bradock que se pendura nas placas de trânsito cheio de gente ao redor… O homem das facas e o do Homem Aranha então, sucessos absolutos….

Conversei com ele e ele destacou ser “muito difícil” realizar uma campanha com poucos recursos, militância e tempo no horário eleitoral gratuito. A participação na corrida eleitoral seria uma forma de tentar levar as “propostas do PSTU” para a população.  “Temos coragem para encarar essa campanha humilde”, disse. “Nossa luta é difícil, muitos nem parar para ouvir, mas cada vez que tem uma eleição, buscamos preencher os espaços para divulgar as nossas idéias”.

Na opinião do candidato, que disputou o Governo do Santa Catarina em 2010, a educação seria o principal problema do país, e por isso, todos os candidatos do PSTU acabam levantando a bandeira para a realização de maiores investimentos no setor. “Um dos indicadores dos países desenvolvidos é a educação. Temos a sexta economia do mundo e a 88a colocação em termos de qualidade no setor”, afirmou .”Por isso estamos lutando com dificuldades para ver se mudamos a sociedade a favor da maioria”.

Anúncios

Written by Fabrício Escandiuzzi

agosto 26, 2012 às 4:31 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: